quinta-feira, 19 de março de 2015

Cansada com os cuidados, mãe de 80 anos mata o filho com deficiência mental em Osaka


Uma mulher de 80 que mora em Asahi (Osaka) se entregou para a polícia dizendo ter matado o filho de 54 anos porque não tinha mais condições físicas de cuidar dele sozinha. A vítima é portador de deficiência mental desde a nascença. No domingo, Shoko Kayamori teria asfixiado o filho Minoru, tapando a boca e o nariz dele com uma toalha enquanto dormia.
O filho precisava de ajuda até para comer e tomar banho. Shoko, que tem histórico de derrame, disse à polícia que estava cansada e sem forças para continuar cuidando de Minoru. Depois de matar o filho, a mulher teria ligado para outra filha de 52 anos, dizendo ¨Eu matei ele. Venha correndo.¨

Takaya16